O conceito de suave no Brasil, ligado a vinhos onde são adicionados açúcares, acabou prejudicando o consumo do “Soave” italiano por aqui.

Uma pena, pois os Soaves são vinhos frescos, leves, perfeitos para acompanhar saladas e aperitivos em dias quentes como hoje.

Soave, aliás, é a maior denominação de origem italiana para vinhos brancos. Sua uva base é a local garganega que costumeiramente é aliada a Chardonnay, como nesse rótulo da Allegrini.

O Allegrini Corte Giara Soave DOC é delicioso, com toques de lima, flores e amêndoas extremamente delicados.

Comprei há um bom tempo na Grand Cru, e o preço é bem convidativo.

Para quem não conhece e deseja provar a dica é procurar pelos Soaves Clássicos que são oriundos dos morros de Soave e Monte D’Alpone e tendem a ser mais encorpados e saborosos que os demais. Assim fica mais fácil a transição.