O vinho pode ser usado para marinar carnes, aves e peixes, deglaçar panelas e frigideiras, ajudando a soltar o fundinho delas, servir como meio de cozimento a pochê, aromatizar frutas e molhos de sobremesa, além dos risotos.

– Uma boa dica é usar o mesmo vinho que será servido para o preparo do alimento (exceto se for um vinho caro e/ou raro).

– Lembre-se sempre que o que você não bebe também não pode comer. Portanto: abaixo aos vinhos mal feitos, com adição de açúcar e qualidade duvidável no preparo.

– Se for usar vinhos brancos, procure uvas com boa acidez e pouca ou nenhuma madeira. Meus favoritos são os da uva sauvignon blanc e riesling.

– Entre os tintos opte por vinhos jovens, frutados e leves para pratos leves e um pouquinho mais encorpado para as carnes.