Ontem assisti “O Nariz”, documentário disponível no Netflix sobre o olfato.


Mostra a importância desse sentido em nossa vida diária e o quanto ele nos conecta com as emoções.

Já sentiu um cheiro que lhe causou saudades?

A parte do cérebro que processa os aromas é diretamente conectada a parte do cérebro onde nossas emoções são processadas.

O fato de termos essa conexão tão imediata, primitiva e prioritária com nossas emoções significa que, na prática, é pela emoção que temos o primeiro contato com o sentido do olfato.

O documentário é interessante e divertido e vale muito a pena para quem ama vinhos e a viagem que seus aromas proporcionam.

Até a próxima taça, Keli Bergamo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *