Hoje o dia é dela: Chardonnay rainha o resto nadinha! (Mentira, amo todas vocês, branquinhas.

A frase foi só pra rimar).💛

De champagnes incríveis, a brancos frescos e frutados.

Barricados com grande potencial de guarda .

Clássicos em sua terra mãe, a Borgonha .

Até protagonista de um episódio que transformou o panorama do vinho mundial (foto 7), a Chardonnay é uma casta “pau para toda obra”.

Neutra, adaptável a diversos climas e processos de vinificação.

Merece sim um dia só pra ela. Viva a Chardonnay!

Até a próxima taça, Keli Bergamo