Já perdi as contas de quantas vezes recomendei os vinhos da Angheben por aqui.

Quem acompanha meus posts sabe o quanto valorizo os BONS vinhos nacionais, especialmente os que envolvem pessoas realmente engajadas e apaixonadas como é o caso dessa família.

Pois há alguns dias viajei ao Vale dos Vinhedos e conheci mais um rótulo – lançado em edição limitada – e que mereceu o espaço por aqui.

O preferido da vez é o Pinot Noir, Edição Limitada, um assemblage de 3 safras.

Como assim de 3 safras?? Pois é, esse Pinot  traz uma mescla do que melhor se produziu nas safras 2013, 2014 e 2015 nos vinhedos localizados em Encruzilhada do Sul, na Serra do Sudeste do Rio Grande do Sul.

Depois de muitos testes (me chamem quando precisarem de opinião, viu Edu?), os meus queridos Ghebão e Eduardo chegaram à “receita” final, com 10 % de pinot noir safra 2013 com passagem por 6 meses de barrica americana, 10 % da safra 2014 também com passagem de 6 meses em barrica americana e 80% da safra 2015 sem madeira alguma.

Ai você já fala: Ah… Mas eu não gosto de Pinot Noir de Novo Mundo, odeio aquelas uvas cozidas e aquele madeirão gritando. E eu concordo com você, mas nem de longe é o que encontrei nesse vinho.

blogger-image-269689258-1

Essa mistura (e as mãos da dupla dinâmica) deixaram o Angheben Pinot Noir extremamente elegante e fresco. Aqueles típicos aromas de mata e pedra molhada da pinot estão presentes, bem como uma compotinha de framboesa muito leve e fresca e um final especiado delicado.

Um pinot munido de muita elegância como deve ser e com ótima capacidade harmonizatória. Aliás, a sugestão que o Eduardo me deu foi um risoto de abóbora cabotiá com camarões, o que vou testar em breve.

Quer saber mais sobre os vinhos da Angheben? Acesse o post anterior link  onde falo um pouco mais sobre eles e recomendo outros dos meus rótulos preferidos.

Os vinhos da Angheben podem ser comprados diretamente na vinícola pelo site http://www.angheben.com.br/ e além do vinho eu recomendo uma visitinha por lá e um bom papo regado a vinho e com essas pessoas especialíssimas.

 

4 Replies to “Angheben Pinot Noir – Edição Limitada”

  1. Keli! Muito obrigado pelo carinho e gentileza conosco!!! Vamos te chamar sim para dar opinião…um abraço especial aqui da família Angheben!!! Att Eduardo Angheben

  2. Olá Keli. Estive na Angheben há uns 6 meses e papeamos muito com o seu Idalencio. Uma pessoa fantástica, sensacional. Isso sem contar os seus vinhos, de qualidade inquestionável. Esse Pinot então, merece um capitulo a parte. Levei uma garrafa, com uma condicional do seu Idalencio que só abrisse a mesma, após 6 meses. Já chegou a hora…rs Abraços

  3. Oi, Rodrigo! Acho que a simpatia dos Angheben é uma unanimidade. Também fiquei impressionada com o Pinot, mas confesso que a cada nova visita acho um novo favorito. Aprecie seu vinho e depois me conte como foi. Abraço, Keli

Comments are closed.