Bag in box. Ame-o ou deixe-o?

por Keli Bergamo

Pelo que vi na enquete feita nos stories do meu Instagram, aqui somos só amor (e curiosidade) por esse formato alternativo de vinhos.

Então vamos começar do começo:

Esse negócio é tendência/ novidade? Não.

O sistema foi inventado em 1955 por William R. Scholle, sendo que o primeiro uso para vinhos foi patenteado em 1965 pela vinícola Renmark da Austrália, e era chamada de ‘Wine Cask’ (uma bolsa de polietileno com 4,5 litros de capacidade, colocada em caixa de papelão). Dois anos depois, em parceria com a Penfolds, foi patenteada uma tampa plástica hermética ligada à uma bolsa de plástico metalizado. Esse estilo de tampa é usado até hoje e essa tampa fica encaixada na caixa de papelão.

Existe um certo preconceito por aqui, mas na Suécia, 50% do vinho consumido está acondicionado em BIB, na Noruega, 60%.

Razões para dar uma chance ao BIB:

– Boa relação custo qualidade: É possível encontrar bons vinhos nas BIBs a preços mais baixos do que em garrafas.

As BIBs preservam os vinhos por mais tempo do que as garrafas abertas, já que a torneira e o saco plástico nos vinhos BIB ajudam a prevenir a entrada de oxigênio, mantendo o vinho fresco depois de aberto por várias semanas. Estima-se o tempo médio de conservação após aberto entre 4 e 6 semanas.

Os vinhos BIBs são ecologicamente mais corretos: Com mais vinho em menos embalagens, as emissões de carbono do transporte são reduzidas significativamente (cada BIB equivale a 4 garrafas).

Em tempos de isolamento e maior tempo de permanência maior em casa, uma BIB para o dia a dia é uma ótima escolha.

Atenção: O plástico é permeável em um nível microscópico, o que explica porque os vinhos BIBs ainda tem datas de validade, já que essa porosidade levará a oxidação com o passar do tempo. Compre e tome.

Ao optar pelo BIB, abre-se mão de um pouco do romance e tradicionalismo dos vinhos para um olhar mais econômico e ecológico sobre o produto, o que não faz mal algum.

Ficou curioso? O vinho da foto tem preço especial para meus seguidores e alunos na @enotecadecanterlondrina .

Se conhecer algum vinho legal em BIB recomenda nos comentários pra gente. 🍷

Até a próxima taça, Keli Bergamo

Deixe um comentário