Poggio Badiola, um italiano de preço pequeno e qualidade gigante.

por Keli Bergamo

 Sou apaixonada por vinhos italianos, mas são tantos produtores, tantas denominações… Muitas vezes fico perdida sobre qual escolher.

Nessa odisseia pelos vinhos italianos, tenho lá meus favoritos. E minha dica de hoje é de um que já degustei algumas vezes e que só tenho boas lembranças.

A vinícola é a Mazzei, de propriedade da família homônima há mais de 600 anos, que por todo esse período vem preservando cultura, respeito ao terroir e produzindo excelentes vinhos. Os Mazzeis são considerados um dos mais tradicionais produtores da Toscana. Sem deslumbre, apenas vinhos de qualidade a preços honestos.

Tem como não amar??

O Poggio Badiola é elaborado com sangiovese (705) e merlot (30%). Repousa por 10 meses em barricas de carvalho e tem potencial de guarda de até 8 anos.

Provei a safra 2.012 e já está suficientemente macio e elegante para ser degustado.

Os vinhos italianos são conhecidos por sua essência gastronômica, sua necessidade de comida para degustação. O Poggio, no entanto, não exige grandes harmonizações. Vai bem com queijos e embutidos (já testei e amei), massas com molhos vermelhos mais rústicos e também com uma carne assada bem feita.

Na última vez que o degustei foi acompanhando uma fraldinha assada e a parceria foi perfeita.

Falando ainda da vinícola, quem gosta de vinhos brancos não pode deixar de provar o Vermentino da casa, um vinho fresco, mineral e que acompanha muito bem frutos do mar grelhados.

Ficou com água na boca? Os rótulos da Mazzei são importados pela Grand Cru.

Posts relacionados