Paul Mas Grenache Noir 2016, Languedoc, França

por Keli Bergamo

Gosto muito dos vinhos do @paulmaswines , que desde os seus mais descontraídos rótulos aos mais elaborados não decepciona (já recomendei o Viognier e o Gewurstraminer por aqui) e esse Grenache mais uma vez surpreendeu. Polpudo e perfumado como se espera da Grenache, um tostado de café no nariz e ótimo equilíbrio. Fácil de beber e de combinar.


O trabalho de Jean-Claude Mas, aliás, foi recentemente reconhecido pela Wine Enthusiast, que elegeu a vinicola como a “Vinícola Europeia do Ano”. Apesar de uma tradição de séculos, a Paul Mas foi fundada em 2000 e agora é reconhecida pelo case de sucesso unindo tradição, qualidade e gestão eficaz. Jean-Claude realmente elevou os vinhos do Languedoc a outro patamar.

Segundo ele, “Basicamente, o maior desafio é produzir 20 milhões de garrafas com a mesma atenção de quando comecei com 10.000 garrafas ”.

Quem importa é a @decanter_vinhos e em Londrina, como sempre, tem preço especial com os meninos da @enotecadecanterlondrina .

Até a próxima taça, Keli Bergamo

Posts relacionados